Pesquisar

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Projeto 971 Shchuka-B

Com a experiência obtida a partir dos Projetos 671RMT Shchuka, 705 Lyra e 945 Barrakuda, o 971 Shchuka-B foi criado para ataque ao solo e enfrentar qualquer submarino americano em combate. Os Shchuka-B foram projetados para velocidades de até 35 nós, autonomia de 100 dias e profundidade de mergulho de 600 m.
Os Shchuka-B receberam várias inovações desde as primeiras unidades e dos 13 mantidos hoje pela VMF, cerca de 10 permanecem em serviço ativo. O último a ser construído está em fase de testes para ser alugado à Marinha Indiana.
Os 971 Shchuka-B tem 8 tubos de torpedo, sendo 4 de 533 mm e 4 de 650 mm, deles podem ser lançados mísseis ASW e antinavio do tipo Klub, mísseis cruzadores RK-55 Granat, torpedos Shkval e torpedos convencionais e nucleares de 533 e 650 mm, o paiol comporta até 40 armas no total, escolhidas dentre o mix acima dependendo da missão. O Shchuka-B é o SSN multi-missão russo comparável aos Seawolf americanos.
 O diagrama comparativo mostra o Shchuka-B em relação a outros submarinos de ataque, tanto da Rússia como do restante do mundo.
...
 
mais sobre os submarinos da Rússia em:

Nenhum comentário:

Postar um comentário