Pesquisar

domingo, 3 de julho de 2011

Projeto 877 Paltus

Os submarinos da Classe Paltus e seus derivados são produzidos pela Rússia e exportados para 7 países. O modelo vem passando por várias modificações ao longo de seu período de produção, que se iniciou na URSS em 1980. Desde então 42 unidades foram construídas das quais 18 estão ativas na VMF.
...
Acima, um submarino da Classe Paltus (Projeto 877) durante o transporte para a Índia.
...

Acima o submarino Alrosa, é um modelo do Projeto 877 com um sistema de propulsão a jato de água (pump jet) tido como ultra silencioso.
O sistema pump jet do Alrosa (acima) não foi instalado nos modelos a seguir que incorporaram à VMF, portanto conclui-se que mesmo desconhecendo o motivo, o novo sistema de propulsão é inviável.
...
O diferencial da Classe Paltus para os demais submarinos diesel elétricos em serviço no mundo são seus novos misseis Klub. O Klub é a mais nova arma do arsenal russo, proposta a ser o míssil padrão para as forças armadas russas. Suas versões são anti navio, anti submarino e de ataque a alvos em solo.
 Acima o modelo 3M54E1, que possui um alcance de 300 km, velocidade de mach 0,8 e pode transportar uma ogiva de 400 kg, esse míssil tem a capacidade de atacar navios de médio porte até porta aviões.
 Similar ao Harpoon norte americano, o 3M54E possui uma velocidade de cruzeiro de mach 0,8, possui uma ogiva de 200 kg e um alcance de 200 km, a diferença do Harpoon está na velocidade de aproximação. O Harpoon mesmo em queda balística pode atingir o alvo em uma velocidade no máximo transônica, já o 3M54E tem uma velocidade terminal de mach 2,9, isto é, cerca de 3 vezes a velocidade de seu concorrente ocidental.
 O míssil Klub anti navio é o atual centro das atenções da US Navy no momento, pois nunca houve uma arma similar com o potencial de destruir um porta aviões e poder ser disparado de pequenos e silenciosos submarinos convencionais, como a Classe 877 Paltus acima, da Indian Navy.
Acima o 3M54E1 dentro da cápsula a bordo de um submarino da Classe Paltus, o 3M54E1 tem uma ogiva e um alcance cerca de 25% menores que o Tomahawk anti navio, porém devido ao maior peso, o 3M54E1 tem uma carga cinética 50% maior que seu rival, tornando-a uma arma extremamente poderosa e ao alcance de qualquer nação. Hoje somente a Rússia, Índia e Vietnã utilizam o míssil.
Acima um submarino da Classe Paltus em São Petersburgo.
Projeto 887 Paltus 
tipo: submarino convencional 
data do projeto: 1979 
operacional desde: 1981 
total produzido: 22 para a VMF 
efetivo na VMF: 18 (4 na reserva) 
comprimento: 73,80 m 
boca: 9,90 m 
deslocamento submerso: 3950 t 
velocidade máxima: 19 nós 
profundidade de mergulho: 300 m 
propulsão: um eixo, diesel-elétrico 
autonomia submerso: 45 dias 
tripulação: 57 
situação atual: 49 unidades produzidas, 8 países usuários, 18 unidades em serviço ativo na VMF, 3 em construção e 12 encomendados (VMF e outros países)
...

Nenhum comentário:

Postar um comentário